Minha vergonha do Centenário das Assembleias de Deus – Eliseu Soares

          
    Assim como meus pais, eu também nasci em um lar evangélico, e a igreja que meus avós conheceram o evangelho de Jesus se chama Assembleia de Deus. Eu me orgulho dela, sempre tive um carinho por esse nome, embora sabendo que Deus levantou outras honrosas denominações pra alcançar almas em nosso país, eu sei também que estou escrevendo para muita gente que são filhos de outras igrejas, mas todos tem de alguma forma um contato com com um “assembleiano”.
     Fico imaginando nesse contexto o futebol. Temos no Brasil muitos times campeões, existe uma rivalidade entre eles… cada torcedor enaltece o seu time, mas quando o Brasil joga… somos todos torcedores canarinhos, queremos mesmo é ver nossa amarelinha fazendo gols. E porque então não comparar a diversidade de igrejas e denominaçõe evangélicas do nosso país, com o que conhecemos tão bem, o futebol?


    Pois então, permita-me falar do meu time, ou melhor da minha igreja, poderia aqui, rasgar-me em elogios, como se meu time estivesse ganhando, mas quero expressar algo que não me deixa tão alegre assim.

    Acontece que nesse ano de 2011 completamos CEM ANOS de existência.
   Sim caro amigo, fazem cem anos que dois homens realmente enviados por Deus iniciaram um trabalho de evangelismo numa terra que para eles era distante e desconhecida , a terra no caso, se chamava Brasil e a cidade Belem do Pará.

    O interessante é que a orientação foi dada a eles por Deus através de um sonho, e esse sonho logo se tornou realidade aos desembarcarem num Brasil que apenas conheciam por livro de uma biblioteca na cidade de Chicago.

    Era o inicio do maior movimento pentecostal que se tem conhecimento no planeta, a igreja foi chamada de Assembléia de Deus, seu primeiro registro se deu num cartório do Rio de Janeiro em 1911.

    O fato é, que essa denominação cresceu e se tornou o que é no país que tem o título de ser o maior país católico do mundo. Iniciou-se com uma pregação simples de um sueco chamado Gunnar Vingren, dizem que a base de seus sermões eram as palavras; “Jesus Salva, Jesus Cura e Jesus Liberta. Simples? talvez para os dias de hoje seja muito simples, haja visto que para ganhar mentes e corações só falta fazer mágica num púlpito(…), mas para aquele homem de Deus, era uma frase de efeito igual a explosão de dinamite, realmente as portas do inferno não prevaleceram contra a igreja, e ela cresceu.

   Com o crescimento, essa instituição acabou sofrendo divisões, dela se originou outras igrejas, sem falar que é muito usual abrirem novas trabalhos usando o nome que sempre foi bem visto não é mesmo? e resultado disso você ve hoje em dia, Assembéia de Deus Vida Nova, Assembléias de Deus Bereana, Madureira, Vitória em Cristo, da Missão, do Belém etc…

    Mas e a Assembléia original? aquela dos pioneiros suecos, como chegou nesse centenário?

    Permita-me dizer que esses anos de crescimento ela foi muito bem organizada. Temos um parque gráfico que é o segundo maior da america latina, lá imprimimos nossas lições de escola dominical por exemplo… que são milhares, somos uma editora fortíssima de livros, publicamos best selers, fabricamos e editamos bíblias famosas , sim, possuimos uma empressa muito grande chamada CPAD, Casa Publiadora das Assembleias de Deus, isso nos torna independentes no fornecimento de material para evangelismo e literário, temos uma editora musical chamada Patmos, e a nossa escola teológica chamada ETAD, sem contar com nossa CGADB, uma convenção nacional que agrega pastores associados, e até a alguns anos atrás isso funcionou muito bem, nossas diretorias são eleitas por votos, e a cada quatro anos era renovado os nomes dos lideres que levavam essa grande máquina institucional para frente, e isso repito, sempre funcionou, até infelizmente nosso atual presidente se manter por longos vinte anos firme no posto de comandante, e tal qual regimes autoritários que se perpetuam no poder, chegamos aos cem anos numa situação jamais imaginada, e isso descrevo agora.

    De sua familia, originou-se filhos que exercem poder igual ao pai. São pastores presidentes de suas igrejas, como se fossem empresas ligadas a uma matriz que se chama Assembléia de Deus do Belem, calma, preciso explicar que não tem nada a ver com a história que contei da biblioteca de Chicago, Belem é um bairro de São Paulo onde está a sede presidida pelo também presidente de tudo…confundiu-se?…deixa assim, melhor nem entender…não irá adiantar, o importante é dizer que se perpetuaram no poder, tornaram-se ricos, e quando eu digo rico entenda, muito dinheiro mesmo, armaram-se de atas, documentos e advogados, ninguem os tira de lá, sentem-se donos, excluem, empossam, abrem, fecham, compram, e dizem alguns que não pagam…

    Chegamos aos Cem Anos. Parabéns! mas poderia ser melhor, caso nosso povo tivesse postura para tirar homens inescrupulosos do poder, mas somos impotentes, apenas assistimos a chegada de um centenário vergonhoso e que nos faz buscar outras denominações para servirmos a Deus. E o Porque disso?

Talvez esteja nas palavras do Apostolo Pedro uma resposta para essa vergonha;

     E eu termino o texto de hoje com essa passagem da bíblia;

Pedro cap, 2
“1.E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
2.E muitos seguirão as suas dissoluçöes, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
3.E por AVAREZA farão de vós NEGÓCIO com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dorme.”
    Parabéns querida Assembléia de Deus por seu brilhante começo! Pena que não estamos ganhando o campeonato. Vergonhosamente, chegamos aos cem anos.

Em Cristo;

Eliseu Soares.

Fonte: Artigos Gospel

Postagens mais visitadas deste blog

O Crente Tíquico

Deus existe sim! Argumentos sobre a existência de Deus.

Dúvida bíblica: Qual a diferença entre alma e espírito?