Papo aberto: Samuel Ferreira, José Wellington Bezerra e Manoel Ferreira: O fim de uma era?

image

Os descaminhos da liderança da Assembléia de Deus nas vésperas do centenário

     Em 2009 foram veiculados vídeos e textos denunciando um suposto envolvimento do bispo Manoel Ferreira, deputado federal e líder máximo da CONAMAD – Convenção das igrejas Assembleias de Deus do ministério Madureira, com o reverendo Sun Myung Moon, da seita Igreja da Unificação. A denúncia era grave porque, caso confirmada, significaria que o bispo Ferreira havia abraçado uma das mais perniciosas seitas pseudocristãs. Muita coisa foi dita, mas no fim das contas o caso foi abafado e o pastor que fez a denúncia acabou vítima de ostracismo por parte da liderança da denominação. Mas novos escândalos surgiriam…

     No início deste ano um novo escândalo envolveu a AD Madureira. Desta vez por conta de um vídeo em que o pastor Samuel Ferreira, pastor da Igreja Assembléia de Deus do ministério Madudeira, no bairro do Brás – SP, entra em transe enquanto o pregador, um tal “profeta Wesley” dá o comando para que os fiéis tragam dinheiro para o pastor. Segundo relato de irmãos presentes, o profeta fez questão de deixar claro que o dinheiro não era pra missões, nem para a igreja, mas para o profeta (no caso, Samuel). Bastaram 20 minutos para Samuel despertar do transe com os bolsos e os pés cheios de dinheiro. Muitos fiéis abandonaram o templo indignados, mas não houve aparentemente nenhuma ratificação por parte da liderança. Era a prova de que a teologia da prosperidade e o demonismo haviam se instalado com força em um dos mais tradicionais templos da AD em São Paulo, dando início a uma era pós-pentecostal.

     Agora, "eis" que surge um novo vídeo denunciando o envolvimento do bispo Manoel Ferreira com o reverendo Moon. O vídeo foi postado no Youtube, desta vez com provas ainda mais contundentes, que eu chamaria de irrefutáveis. [recomendamos aos leitores que baixem o vídeo rapidamente, pois o mesmo não deve permanecer hospedado por lá muito tempo]

     Simultaneamente na outra Assembléia de Deus (sim, há duas!) o pastor José Wellington Bezerra da Costa, pastor da AD min. Belém – SP, e presidente da CGADB: Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil é acusado em rede nacional de emitir quase duzentos cheques sem fundos em nome da instituição, entregando o nome e a credibilidade da maior convenção de ministros evangélicos do Brasil ao SERASA. Não bastasse isso, a liderança séria da Assembléia de Deus ainda teve que engolir a indiferença do seu presidente no episódio da bíblia DAKE, com notas de cunho herético, mas que foi amplamente endossada pela CPAD, editora da Assembléia de Deus apesar do veto do Conselho de Apologética e de Doutrina da própria instituição.

     Na semana passada, postamos neste blog um "santinho" que traz estampada a cara do pastor José Wellington pedindo votos para a filha, Marta Costa, que caso vença as eleições, será suplente de Aloysio Nunes no senado. Obviamente, não é crime o que ele está fazendo, mas não deixa de ser uma tremenda falta de ética, pois o pastor está usando a própria imagem para alavancar a carreira eleitoral da filha. Justificativas não faltam, mas também não justificam: Com Serra eleito, Aloysio vira ministro e a vaga fica com a filha de José Wellington, garantindo poder político à família que já detém o poder eclesiástico nas Assembleias de Deus por mais de duas décadas.

     Tudo isso acontece às vésperas da igreja completar seu centenário. Histórias horríveis que me fazem lembrar do centenário trágico do Flamengo da Gávea, com investimentos milionários e nenhum fruto aparente, ou ainda o centenário do Corinthians de Itaquera, que celebra a construção de um grande estádio como se isso pudesse ocultar dos olhos do torcedor a má fase que o time vem enfrentando. O mesmo acontece no centenário da Assembléia de Deus, só que aqui o jogo é um pouco mais sério, pois quem joga com as almas dos fiéis tem como troféu um lago de fogo e enxofre, onde haverá choro e ranger de dentes por toda eternidade.
***
Escrito por Leonardo Gonçalves

Fonte: Blog do Renato Jr.

Postagens mais visitadas deste blog

O Crente Tíquico

Deus existe sim! Argumentos sobre a existência de Deus.

Dúvida bíblica: Qual a diferença entre alma e espírito?